20 de fevereiro de 2011

Instalação via imagem ISO no VirtualBox

A instalação de sistemas virtuais no VirtualBox e em outros aplicativos de virtualização pode ser facilitada com o uso das imagens ISO dos CDs ou DVDs usados para instalar o sistema. Isso é util principalmente com sistemas Linux e versões de teste (beta, RC) do Windows e de outros sistemas que são baixados da Internet neste formato.

Vamos ver como se usa esta facilidade no VirtualBox, lembrando que o procedimento é similar em outros aplicativos de virtualização populares como o Microsoft VirtualPC e VMware Workstation.

Pré-requisitos para esta atividade:
  • Software VirtualBox 4 ou superior instalado;
  • Uma máquina virtual (VM) recém criada (veja como fazer);
  • Uma imagem ISO de instalação de um S.O. previamente baixada/gerada e disponível em uma pasta/diretório do computador.
Vamos aos procedimentos:
  1. Na interface do VirtualBox, selecione a máquina virtual recém criada;
  2. Vá na aba "Detalhes" e clique em "Armazenamento";
  1. Clique sobre o pequeno ícone de um CD marcado como "Vazio";
  2. Em "Atributos", clique no ícone do CD do lado direito;
  3. Clique em "Selecione um arquivo de CD/DVD virtual...";
  1. Localize a imagem ISO do CD ou DVD que você obteve e clique em "Abrir";
  2. Voltando à janela de configurações, clique em "Ok".

Se o procedimento foi corretamente executado, a imagem ISO será usada como unidade de disco pelo VirtualBox para instalação do sistema.


Só não se esqueça de remover a imagem ISO da configuração da VM (não do computador) depois que instalar o sistema, senão o VirtualBox tentará instalar o sistema guest todo novamente.

Lembro que o procedimento é quase o mesmo se você quiser instalar um S.O. guest de uma mídia comum de CD ou DVD. Só que no lugar de selecionar uma imagem ISO você seleciona um "Drive do hospedeiro".
Link útil: O que é imagem ISO?
Até a próxima e aproveite para comentar...


Esta é uma edição revisada, ampliada e atualizada. A versão anterior não está mais disponível na Internet.

9 comentários neste post

Apesar de nunca ter experimentado, soube que é possível "converter" uma máquina virtual de um determinado formato (p. ex. VMWare) para torná-la apta a ser rodada em outra máquina. Já fez isso? &;-D

Sim, você pode exportar a VM como uma appliance. Tanto VMware Workstation quanto o VirtualBox, por exemplo, suportam o formato OVF para appliances.

É possível ainda converter uma VM para rodar em um hardware "real", mas isso depende de alguns ajustes que podem deixar a plataforma instável, principalmente por causa da compatibilidade de device drivers.

tive o mesmo problema e rolou essa solução ae! Valeu!

Comentário de
Anônimo Em 20 de novembro de 2011 22:59.

Eu uso a versão 4.1.6 do virtualbox. As janelas são um pouquinho diferente, mas tem todas as funções citadas, porém este tutorial apresentado aqui não funciona. Eu indico a imagem iso do BT4 ou a do Ubuntu 9 e dá a uma mensagem de erro e não inicializa a instalão d linux. Já tentei muito, mas acho que não é possível usar o virtual box porque se eu coloco o mesmo CD que uso ou a imagem iso não funciona no virtualbox. Mas quando uso o CD para inciar sem máquina virtual ele dá boot tanto no ubuntu quanto no BT4.

Brain.Net

Comentário de
Walter Em 2 de março de 2012 00:54.

Tenho um CD com o O.S iAtikos (MAC OS X crackeado), como faria pra bootar no VM com ele?
Tentei criar um novo (MAC OS X), mas ele dá um erro e não lê o CD!
Queria testar pra ver como está rodando!
Abraço

funcionou consegui testar o android na minha maquinq virtual thanks !

Comentário de
Anônimo Em 28 de outubro de 2012 12:04.

Amigo, como seria os passos para mim remover a imagem ISO da configuração da VM ?

Todo vez que desligo a maquina ela tenta instalar de novo o sistema .

Desde já agradeço a ajuda !

caras minha maquina virtual não sai do startup e aparece a mensagem de que necessita de um CD-ROM support

Comentário de
Diego Em 3 de setembro de 2013 02:43.

Tutorial com boa explicação, podem seguir que é o certo

Postar um comentário

Atenção comentarista!
  • Todos os comentários serão rigidamente moderados;
  • Identifique-se! Comentários anônimos não são recomendados;
  • Comentários com três ou mais links serão removidos;
  • Comentários escritos em miguxês ou excesso de gírias serão removidos;
  • Comentários escritos com predominância de maiúsculas serão removidos;
  • Por favor, prove que você é coerente, educado e bem informado: conheça o restante do site, saiba quem somos, sobre o que, para quem e como escrevemos antes de comentar futilidades;
  • Respeite as opiniões dos autores e dos outros comentaristas. Seja breve e sem ofensas;
  • Escreva comentários relevantes e que contribuam de alguma forma para o bem da humanidade;
  • Não seja um inútil social. Lembre-se que o mundo não gira ao seu redor.