24 de janeiro de 2011

Drivers não assinados no Windows 7

Sério! Tem gente por aí que acabou de comprar um PC de última geração, dual-core, 4 GiB de memória e está instalando o Windows XP! Medo da mudança? Falta de conhecimento? Ou é psicose mesmo?

O Windows 7 já tem 20% do mercado e já está mais do que na hora de aposentar o velho, muito velho, Windows XP, pelo menos nos PCs da geração atual. Já temos até um "Family Pack" do sistema que permite a instalação em até 3 PCs domésticos com uma unica licença.

Quem está começando a se aventurar no mundo do Windows 7 agora e estiver usando hardwares antigos e/ou não certificados pode ficar frustrado. Acontece que, para garantir a qualidade do sistema diminuindo as possibilidades de travamentos, reboots e telas azuis que tanto causavam polêmica nas versões anteriores deste S.O., a Microsoft decidiu permitir a somente instalação de device drivers assinados, desde o Windows Vista.

Device drivers assinados são certificados, passando por rigorosos testes de desempenho e estabilidade, além de atenderem determinados requisitos para serem instalados antes de distribuídos. Isso significa que são mais estáveis e seguros para o sistema, mas também que os fabricantes precisam de mais investimento em tempo, testes, pessoal e dinheiro para colocar um dispositivo certificado no mercado, coisa que nem todos, principalmente os pequenos fabricantes e os "escravagistas orientais" não estão dispostos a fazer.

Essa política de assinatura de drivers é adotada desde o Windows XP, mas naquele sistema tínhamos a opção de "Instalar assim mesmo" caso o driver não fosse assinado, o que podia causar instabilidades, travamentos e outros problemas que acabavam sendo injustamente atribuídos ao sistema operacional.


Alerta de driver são assinado no Windows XP.

Por estes motivos a quantidade de dispositivos realmente compatíveis com o Windows 7, principalmente versões de 64 bits é bem reduzida em benefício da estabilidade do sistema, já que device drivers não assinados são simplesmente ignorados e não são assimilados pelo S.O.

Mas há uma solução alternativa para permitir essas instalações: colocar o Windows 7 em Modo de Teste. Este recurso também serve para o Vista, tanto de 32 quanto de 64 bits.
Que fique claro que, ao instalar um device driver não assinado, o sistema poderá ficar instável e até travar! Consciência, tá? Não vá por a culpa disso no Windows ou na Microsoft, falando baboseiras por aí...
Ativando o modo de testes

Para ativar o modo de testes, faça o seguinte:
  1. Clique "na bola Iniciar", depois em "Todos os programas" e em "Acessórios";
  2. Localize "Prompt de Comando" e clique com o botão direito sobre ele;
  3. No menu de contexto, selecione "Executar como administrador", permitindo que o programa faça alterações no sistema;
  4. No console de comandos, digite:
    Bcdedit.exe -set TESTSIGNING ON
    Se der certo, aparecerá a mensagem "A operação foi concluída com êxito";

Acesse o console de comando como administrador.
  1. Reinicie o PC para que o Modo de Teste seja ativado.
Para confirmar o Modo de Teste, verifique no canto inferior direito do desktop, acima do relógio: deve aparecer uma mensagem conforme a imagem abaixo:


Aviso de que o Windows está operando em "Modo de Teste".

Agora, tente instalar o driver daquele dispositivo "chinguelingue" que antes não funcionava.

Voltando ao normal

Use o Modo de Teste apenas para instalar device drivers não assinados e realizar tarefas de manutenção e depois retorne para o Modo Normal. Para isso, repita o procedimento listado acima, mas digitando o comando:
Bcdedit.exe -set TESTSIGNING OFF

Modo de Segurança

Alguns drivers mais esquisitos também podem ser instalados em "Modo de Segurança", acessível durante a inicialização do sistema. Para entrar em modo seguro:
  1. Reinicie o Windows;
  2. Antes de surgir o logo do Windows, pressione a tecla "F8" algumas vezes até que o menu de seleção apareça;
  3. Selecione "Iniciar em modo seguro" e pressione "Enter".
Após instalar o driver, basta reiniciar o Windows que ele retorna ao Modo Normal.
Mais informações:
Dúvidas? Nossos comentários e nosso fórum estão abertos!

Esta é uma edição revisada, ampliada e atualizada. A versão anterior não está mais disponível na Internet.

5 comentários neste post

Legal essa dica!

Comentário de
claudiojbh Em 27 de fevereiro de 2011 18:03.

Luferat,
Grato pela dica.
Já havia visto antes só que o comando estava errado.

A sua indicação foi a correta e que realmente me ajudou.

Comentário de
Anônimo Em 17 de agosto de 2011 08:55.

Obrigado pela dica, ajudou bastante, apenas com ela fui capaz de instalar um driver da ATI.

Comentário de
Anônimo Em 17 de janeiro de 2012 19:06.

Boas

Comentário de
Anônimo Em 17 de janeiro de 2012 19:07.

Eu queria saber como jogo metin2 etc e jogos 3 D em safe mode networking ajudem me facaria grato.

Postar um comentário

Atenção comentarista!
  • Todos os comentários serão rigidamente moderados;
  • Identifique-se! Comentários anônimos não são recomendados;
  • Comentários com três ou mais links serão removidos;
  • Comentários escritos em miguxês ou excesso de gírias serão removidos;
  • Comentários escritos com predominância de maiúsculas serão removidos;
  • Por favor, prove que você é coerente, educado e bem informado: conheça o restante do site, saiba quem somos, sobre o que, para quem e como escrevemos antes de comentar futilidades;
  • Respeite as opiniões dos autores e dos outros comentaristas. Seja breve e sem ofensas;
  • Escreva comentários relevantes e que contribuam de alguma forma para o bem da humanidade;
  • Não seja um inútil social. Lembre-se que o mundo não gira ao seu redor.