18 de dezembro de 2009

Raios… Raios e trovões

Raios... Raios e trovõesOba! Chuva! E que chuva? Só uma horinha, mas foi um "pé d´água" só, daqueles típicos de verão, com direito a nuvens negras, dia virando noite, trovões, relâmpagos, estrondos, ventos violentos e pelo menos três raios caindo bem perto daqui.

Como bom precavido que sou, assim que a coisa começou a armar e o cheirinho de terra molhada levantou, tratei de desconectar a linha telefônica do modem, o cabo da antena da Sky, puxar a tomada de tudo e me empoleirar na varanda para apreciar o magnífico espetáculo da natureza...

Mas tenho certeza de que nem todos são precavidos assim e não dou nem 24 horas para que comecem a aparecer as primeiras notícias da vizinhança sobre computadores sem Internet, PCs que não ligam mais, televisores com cheiro de queimado.

Opa! Primeira ligação! Hehehe! Adivinha? Mas esse foi sortudo! O PC liga e funciona direitinho, só que fica dando linha ocupada ao mandar conectar na "banda podre".

E deve ser assim pelo resto da semana, na verdade, pelo resto do verão...

Quer dicas para passar pelas tempestades sem por em risco seu amado "PCzinho"? Vamos lá:

Desconecte a linha

Se você usa conexão discada, só mantenha a linha conectada ao modem enquanto navega na Internet. Assim que se desconectar, mesmo que continue usando o PC, desligue a linha. Convém manter o conector com uma extensão bem acessível para evitar ficar enfiando a mão atrás do PC.
Mesmo que o dia esteja ensolarado há a possibilidades de faíscas de várias origens. Lembre-se que os cabos telefônicos compartilham os postes e instalações com os da rede elétrica.
Modems externos tem uma proteção maior, além de estarem mais afastados do PC, isolados pela interface de rede ou USB, então, dê preferência para estes modelos.

Neste post tem algumas dicas sobre conexões discadas, inclusive sobre segurança.

Instalação elétrica

Seu micro está aterrado? Qual foi a última vez que você revisou as tomadas da casa? Você ainda usa aquele estabilizador comprado com seu primeiro PC em 1995?
Uma instalação elétrica de qualidade, além de prover energia de forma adequada aos equipamentos, protege os usuários em caso de sobrecargas e até raios.


Quem quer um router frito?

Pára-raios

Pára-raios e outros sistemas de proteção "pesados" não são para proteger computadores, televisores, geladeiras ou outras parafernálias eletroeletrônicas. Eles servem para proteger pessoas, instalações e bens imóveis. Nunca confie apenas em um pára-raios para proteger o PC. Observe e siga as outras dicas.

Viagens e ausências

Essa já é antiga e conhecida: se for viajar, desconecte todas as tomadas dos equipamentos. Mas os viajantes sempre esquecem dos cabos telefônicos, antenas e outras ligações com o mundo lá de fora. Mesmo se você tem modem externo (Dial-up, ADSL, Cabo...). lembre-se de desconectá-los da linha telefônica.
Eu recomendo que, mesmo que você pretenda se ausentar por um dia e as notícias são de que haverão chuvas, desconecte o modem da linha. Se você é realmente precavido, não confie na previsão do tempo...

Notebooks estão protegidos?

Não necessariamente, o fato de usar um notebook o isenta de problemas. É comum as pessoas usarem telefones sem fio durante tempestades por serem seguros, mas se esquecem o esses aparelhos tem duas partes e que a base está ligada diretamente à linha. Caso ela queime o telefone sem fio deixa de ser útil. O mesmo vale para notebooks, pois as redes locais sem fio (WiFi) precisam se conectar a um cabo uma hora ou outra.
O notebook também é vulnerável se estiver ligado ao carregador e mesmo na bateria, pois a eletricidade estática presente no ambiente durante uma tempestade pode danificar seu portátil. O mesmo vale para celulares e afins.

No carro

Não deixe portáteis e celulares no carro durante tempestades com raios. Realmente o ambiente do carro é seguro se a carroceria dele for de metal, pois funciona como uma "Gaiola de Faraday". Mas o carro é isolado da Terra pelos pneus, então, parte da eletricidade estática fica acumulada na carroceria e principalmente nos componentes isolantes do carro como estofamentos, painéis, etc. Assim, equipamentos sensíveis como os eletrônicos atuais, que não estão ligados à massa do carro, podem ser danificados.
Lembrando, os rádios e os GPS automotivos não sofrem porque estão ligados ao chassis do carro.

Folclore


Não deixe que este seja o futuro do seu PC!
Minha mãe é "da roça" e tem mania de cobrir espelhos, maçanetas e equipamentos eletrônicos com toalhas. Claro que não adianta nada a não ser o efeito psicológico que esse procedimento causa. Cá entre nós, um raio que vem de uma nuvem à quilômetros de altitude vai ser "bloqueado" por uma toalha de pano?

Momento rádio relógio

Só para entender o "poder" de um raio: para gerarmos uma faísca no vácuo entre dois objetos de metal a um centímetro de distância um do outro, precisamos de uma tensão de 10.000 volts. Para dois centímetros, 20.000 volts e assim consecutivamente...
Calcule agora a tensão de um raio que desce de nuvens que estão a vários quilômetros de altitude? Isso sem contar que não estamos no vácuo!
Resumindo: vai cover? Desligue tudo, esfrie a cabeça e vá apreciar o espetáculo da natureza...

Quem sabe resgatar alguém de uma enchente!

Aproveite enquanto é só um espetáculo porque se depender de nossa inteligência superior, as coisas ficarão bem piores daqui a poucos anos...

0 comentários neste post

Postar um comentário

Atenção comentarista!
  • Todos os comentários serão rigidamente moderados;
  • Identifique-se! Comentários anônimos não são recomendados;
  • Comentários com três ou mais links serão removidos;
  • Comentários escritos em miguxês ou excesso de gírias serão removidos;
  • Comentários escritos com predominância de maiúsculas serão removidos;
  • Por favor, prove que você é coerente, educado e bem informado: conheça o restante do site, saiba quem somos, sobre o que, para quem e como escrevemos antes de comentar futilidades;
  • Respeite as opiniões dos autores e dos outros comentaristas. Seja breve e sem ofensas;
  • Escreva comentários relevantes e que contribuam de alguma forma para o bem da humanidade;
  • Não seja um inútil social. Lembre-se que o mundo não gira ao seu redor.